Text page

API SPEC Q2: a gestão da qualidade para os fornecedores das indústrias petroquímicas

Essa norma, publicada pela American Petroleum Institute (API) em 2021, define os requisitos do sistema de gestão da qualidade (SGQ) para as organizações fornecedoras das indústrias de petróleo e gás natural. Destina-se a ser aplicada à execução de serviços para a indústria de petróleo e gás natural.

11/08/2021 - Equipe Target

A gestão da qualidade para os fornecedores da indústria petroquímica

API SPEC Q2:2021 - Quality management system requirements for service supply organizations for the petroleum and natural gas industries define os requisitos do sistema de gestão da qualidade (SGQ) para as organizações fornecedoras das indústrias de petróleo e gás natural. Destina-se a ser aplicada à execução de serviços para a indústria de petróleo e gás natural. Isso inclui, mas não está limitado a, atividades como construção, intervenção, produção e abandono de poço, bem como reparo/manutenção/configuração de produtos relacionados ao serviço.

Se uma organização executa as atividades abordadas por esta especificação, incluindo o fornecimento de produtos relacionados a serviços (service-related product - SRP) e atividades terceirizadas, nenhuma reivindicação de exclusão desses requisitos é permitida. Quando o SRP não é necessário para a execução do serviço aplicável, a base para a reivindicação de exclusões deve ser identificada.

Além disso, tais exclusões não podem afetar a capacidade ou responsabilidade da organização de atender aos requisitos regulatórios aplicáveis e do cliente. As exclusões são limitadas aos requisitos das seguintes cláusulas: 5.7.3 Identificação e Rastreabilidade; 5.7.4 Status SRP; 5.7.6 Preservação de SRP; 5.7.7 Validação de SRP; 5.7.8 Manutenção Preventiva, Inspeção; e processo de teste; e 5.8 Controle de Equipamentos de Teste, Medição, Monitoramento e Detecção (TMMDE).

Quando forem feitas reivindicações de conformidade, as exclusões serão identificadas em conjunto com essas reivindicações. As informações marcadas com NOTA não são os requisitos, mas são para orientação na compreensão ou esclarecimento do requisito associado.

Conteúdo da norma

1 Escopo ...................................... ......... 1

2 Referências normativas ................................. 1

3 Termos, definições, abreviações e acrônimos ......... 1

3.1 Termos e definições ................................ 1

3.2 Abreviações e acrônimos ........................... 4

4 Requisitos do Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ)............................. 4

4.1 Geral .............................. ...... 4

4.2 Responsabilidade da gestão ......................... 5

4.3 Capacidade da organização .......................... 6

4.4 Requisitos de documentação................... 7

4.5 Controle dos registros .............................. 8

5 Realização do serviço e produto relacionado ao serviço.................. 8

5.1 Revisão do contrato .......................... 8

5.2 Planejamento ............................... ..... 9

5.3 Avaliação e gerenciamento de risco....................... 10

5.5 Planejamento de contingência.............................. 11

5.6 Aquisição ......................................... 12

5.7 Execução do serviço ..................................... 14

5.8 Controle de equipamentos de teste, medição, monitoramento e detecção (testing, measuring, monitoring, and detection equipment - TMMDE) ........... 16

5.9 Validação de desempenho do serviço ................. 17

5.10 Controle das não conformidades.......................... 18

5.11 Gestão da mudança (management of change - MOC.... 18

6 Monitoramento, medição, análise e melhoria do SGQ................... 19

6.1 Geral.............................. .... 19

6.2 Monitoramento, medição e melhoria........... 19

6.3 Análise de dados .............................. 20

6.4 Melhoria .............................. 21

6.5 Revisão da gestão.................. 21

Bibliografia.................... 23

Esta especificação foi desenvolvida para abordar o desenvolvimento e implementação de sistemas de gestão de qualidade para organizações de fornecimento de serviços que trabalham nas indústrias de petróleo e gás natural. Esta especificação define os requisitos fundamentais dos sistemas de gestão da qualidade para as organizações de fornecimento de serviços que reivindicam conformidade com esta especificação.

Os requisitos desta especificação são consistentes com os de outros documentos do sistema de gestão da qualidade. Esta especificação fornece requisitos adicionais que visam a execução de serviços ou fornecimento de produtos relacionados ao serviço na execução do serviço. Os requisitos são estruturados de forma a minimizar a probabilidade de não conformidade durante a execução de um serviço e/ou fornecimento de produto relacionado ao serviço.

Embora esta especificação possa incluir alguns elementos de outros sistemas de gestão da qualidade (como aqueles específicos para gestão ambiental, gestão de saúde e segurança ocupacional, gestão financeira ou gestão de risco), ela não inclui todos os requisitos específicos para esses sistemas. Esta especificação pode ser usada em conjunto ou independente de outros documentos especificados pelo setor. Esta especificação pode ser usada por pessoas internas e partes externas, incluindo os organismos de certificação, para avaliar a capacidade da organização de atender aos requisitos legais e do cliente aplicáveis à execução do serviço e aos próprios requisitos da organização.

Esta especificação promove a integração de uma abordagem de processo na aplicação de requisitos específicos ao desenvolver, implementar e melhorar a eficácia de um sistema de gestão da qualidade, proporcionando assim controle contínuo sobre os requisitos declarados, bem como facilitando a sobreposição de processos. Para que uma organização de fornecimento de serviços funcione de maneira eficaz, ela deve determinar e gerenciar várias atividades vinculadas.

Uma atividade que transforma entradas em saídas pode ser considerada um processo. As atividades do processo incluem a determinação da necessidade em toda a organização de fornecimento de serviço, fornecimento de recursos, fornecimento de produto relacionado ao serviço, identificação da sequência ou ordem adequada em uma série de atividades, monitoramento e medição da eficácia das atividades realizadas e aplicação de alterações ou correções para essas atividades conforme necessário.

O objetivo desta especificação é identificar os requisitos mínimos para o desenvolvimento de um sistema de gestão da qualidade que proporcione melhoria contínua, enfatize a prevenção de não-conformidades e se esforce para minimizar a variação e o desperdício das organizações prestadoras de serviço. Ela é projetada para promover a confiabilidade nas organizações de fornecimento de serviços para as indústrias de petróleo e gás natural.

Aplicabilidade da Especificação API, Q2

A Especificação API Q2 estabelece os requisitos do sistema de qualidade necessários para que as organizações de fornecimento de serviços forneçam serviços de forma consistente e confiável que atendam aos requisitos do cliente, legais e outros aplicáveis. Esta especificação se aplica a atividades relacionadas a serviços na construção, intervenção, produção e abandono de poços de petróleo e gás, bem como reparo, manutenção e configuração de produtos relacionados a serviços. O API Q2 não se aplica ao API Monogram Program ou a qualquer produto identificado por licença como elegível para marcação com o API Monogram.

É responsabilidade da organização de fornecimento de serviço garantir que um sistema de gestão de qualidade (SGQ) adequado esteja em vigor para atividades terceirizadas, incluindo aquelas associadas ao reparo e remanufatura de produtos relacionados à manutenção. Isso pode estar em conformidade com API Q1, API Q2, ISO 9001 ou um sistema definido pela organização de fornecimento de serviço que seja apropriado para o escopo de trabalho. A conformidade com a API Q2 para atividades terceirizadas não é exigida por esta especificação.

As mudanças da primeira edição para a segunda edição incluíram alguns itens significativos: alinhamento com o descrito na API Q1, quando aplicável; remoção da referência à versão desatualizada da ISO 9000; adição dos requisitos de a) a e) à seção de Recursos Humanos (4.3.2); adição da cadeia de suprimentos ao Controle de Compras (5.6.1); alinhamento de controle de teste, medição, monitoramento e equipamento de detecção com a API Q1 (5.8); adição do controle de TMMDE à lista de exclusões; e remoção da seção de ações preventivas

FONTE: Equipe Target

Anúncio fixo da norma NBRISO9001 Chegou o novo app Target GEDWeb!
Busque e visualize suas normas ABNT NBR NM
Recursos exclusivos de busca, leitura por voz,
acesso off-line, navegação por setor e muito mais!
Produto/Serviço relacionado à NBRISO9001

Baseado nos documentos visitados

Normas recomendadas para você

Diretrizes para a seleção de consultores de sistemas de gestão da qualidade e uso de seus serviços
NBRISO10019 de 08/2007

Diretrizes para a seleção de consultores de sistemas de gestão da qualidade e uso de seus serviços

Responsabilidade social — Sistema de gestão — Requisitos
NBR16001 de 07/2012

Responsabilidade social — Sistema de gestão — Requisitos

Versão comentada da Norma de diretrizes para auditoria de sistemas de gestão, com mais de 60 páginas adicionais de comentários elaborados pelo coordenador técnico do Comitê Brasileiro da Qualidade CB-25 da ABNT, Luiz Carlos do Nascimento
NBRISO19011 - COMENTADA de 12/2018

Versão comentada da Norma de diretrizes para auditoria de sistemas de gestão, com mais de 60 páginas adicionais de comentários elaborados pelo coordenador técnico do Comitê Brasileiro da Qualidade CB-25 da ABNT, Luiz Carlos do Nascimento

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a aplicação da ABNT NBR ISO 9001 em prefeituras
NBRISO18091 de 03/2022

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a aplicação da ABNT NBR ISO 9001 em prefeituras

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para monitoramento e medição
NBRISO10004 de 08/2013

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para monitoramento e medição

Sistemas de Gestão da Qualidade – Requisitos para organizações de aeronáutica, espaço e defesa
NBR15100 de 01/2010

Sistemas de Gestão da Qualidade – Requisitos para organizações de aeronáutica, espaço e defesa

Guia sobre técnicas estatísticas para ABNT NBR ISO 9001:2000
ABNT ISO/TR10017 de 05/2005

Guia sobre técnicas estatísticas para ABNT NBR ISO 9001:2000

Gestão da qualidade — Orientação para o engajamento de pessoas
NBRISO10018 de 02/2022

Gestão da qualidade — Orientação para o engajamento de pessoas

Transporte rodoviário de carga - Sistema de qualidade
NBR14884 de 05/2006

Transporte rodoviário de carga - Sistema de qualidade

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para a resolução externa de litígios das organizações
NBRISO10003 de 08/2013

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para a resolução externa de litígios das organizações

Indústrias do petróleo, gás natural e petroquímica - Sistemas de gestão da qualidade específicos do setor - Requisitos para organizações de fornecimento de produtos e serviços
ABNT ISO/TS29001 de 10/2010

Indústrias do petróleo, gás natural e petroquímica - Sistemas de gestão da qualidade específicos do setor - Requisitos para organizações de fornecimento de produtos e serviços

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a gestão da qualidade em empreendimentos
NBRISO10006 de 06/2006

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a gestão da qualidade em empreendimentos

Gestão da qualidade - Diretrizes para treinamento - Versão comentada, com mais de 20 laudas adicionais de comentários elaborados pelo acadêmico Hayrton Prado
NBRISO10015 - COMENTADA de 07/2020

Gestão da qualidade - Diretrizes para treinamento - Versão comentada, com mais de 20 laudas adicionais de comentários elaborados pelo acadêmico Hayrton Prado

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a gestão de configuração
NBRISO10007 de 03/2005

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a gestão de configuração

Versão comentada da Norma para Sistemas de gestão ambiental - Requisitos com orientações para uso, com mais de 80 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel
NBRISO14001 - COMENTADA de 10/2015

Versão comentada da Norma para Sistemas de gestão ambiental - Requisitos com orientações para uso, com mais de 80 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para planos da qualidade
NBRISO10005 de 07/2007

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para planos da qualidade

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para códigos de conduta para organizações
NBRISO10001 de 06/2022

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para códigos de conduta para organizações

Sistemas de gestão da qualidade - Fundamentos e vocabulário
NBRISO9000 de 09/2015

Sistemas de gestão da qualidade - Fundamentos e vocabulário

Treinamento on-line da versão comentada da Norma para Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos, com mais de 400 minutos em vídeo aulas e 91 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel
NBRISO9001 - CURSO E COMENTADA de 09/2015

Treinamento on-line da versão comentada da Norma para Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos, com mais de 400 minutos em vídeo aulas e 91 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para o tratamento de reclamações nas organizações
NBRISO10002 de 12/2005

Gestão da qualidade - Satisfação do cliente - Diretrizes para o tratamento de reclamações nas organizações

Gestão da qualidade — Qualidade de uma organização — Orientação para alcançar o sucesso sustentado
NBRISO9004 de 11/2019

Gestão da qualidade — Qualidade de uma organização — Orientação para alcançar o sucesso sustentado

Sistema de gestão de serviços notariais e registrais - Requisitos
NBR15906 de 02/2021

Sistema de gestão de serviços notariais e registrais - Requisitos