Normas do comitê: CB-004: MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS MECÂNICOS com a palavra-chave:MÁQUINA

46 registro(s) encontrado(s) em 0,144 segundos.

Segurança de Máquinas - Distâncias de segurança para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros superiores e inferiores
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO13857 de 03/2021 - Segurança de Máquinas - Distâncias de segurança para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros superiores e inferiores

Este Documento estabelece valores para distâncias de segurança em ambientes industriais e não industriais, com o objetivo de prevenir que zonas perigosas sejam alcançadas. As distâncias de segurança são apropriadas para estruturas de proteção. Ele tamb...

Segurança de máquinas — Máquinas injetoras de plásticos e borracha
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR13536 de 06/2016 - Segurança de máquinas — Máquinas injetoras de plásticos e borracha

Esta Norma especifica requisitos de segurança essenciais para o projeto e construção de máquinas injetoras de plásticos e borracha e provê informação para seu uso seguro.

Máquinas fragmentadoras para plásticos — Requisitos de segurança para moinhos granuladores e trituradores
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR15107 de 09/2017 - Máquinas fragmentadoras para plásticos — Requisitos de segurança para moinhos granuladores e trituradores

Esta Norma estabelece os requisitos de segurança para máquinas fragmentadoras para plásticos (moinhos granuladores e trituradores) que se iniciam na abertura de alimentação, ou dispositivo alimentador, se este for parte integrante da máquina, e termina...

Segurança de máquinas - Proteções - Requisitos gerais para o projeto e construção de proteções fixas e móveis
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM272 de 07/2002 - Segurança de máquinas - Proteções - Requisitos gerais para o projeto e construção de proteções fixas e móveis

Esta Norma fixa requisitos gerais para o projeto e construção de proteções, desenvolvidas principalmente para a proteção de pessoas de perigos mecânicos.

Segurança de máquinas - Dispositivos de comando bimanuais - Aspectos funcionais e princípios para projeto
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR14152 de 07/1998 - Segurança de máquinas - Dispositivos de comando bimanuais - Aspectos funcionais e princípios para projeto

Esta Norma especifica os requisitos de segurança para um dispositivo de comando bimanual e sua unidade lógica.

Segurança de máquinas - Temperatura de superfícies acessíveis - Dados ergonômicos para estabelecer os valores limites de temperatura de superfícies aquecidas
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR13970 de 09/1997 - Segurança de máquinas - Temperatura de superfícies acessíveis - Dados ergonômicos para estabelecer os valores limites de temperatura de superfícies aquecidas

Esta Norma especifica dados relativos às circunstâncias sob as quais o contato com superfícies aquecidas pode causar queimaduras. Esses dados permitem a avaliação de riscos de queimaduras.

Segurança das máquinas — Requisitos de higiene para o projeto das máquinas
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO14159 de 04/2010 - Segurança das máquinas — Requisitos de higiene para o projeto das máquinas

Esta Norma especifica os requisitos de higiene para máquinas e fornece informações para o uso pretendido a ser determinado pelo fabricante. Ela se aplica a todos os tipos de máquinas e equipamentos associados utilizados em aplicações onde possam ocorre...

Compressores de deslocamento positivo — Ensaios de aceitação
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO1217 de 07/2012 - Compressores de deslocamento positivo — Ensaios de aceitação

Esta Norma especifica métodos para ensaios de aceitação referentes à vazão volumétrica e à potência consumida. Ela também especifica métodos de ensaio para compressores do tipo anel líquido.

Lavanderia industrial
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR6178 de 10/1993 - Lavanderia industrial

Esta Norma define os termos empregados em lavanderia industrial, visando a estabelecer uma linguagem uniforme.

Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 1: Exatidão geométrica de máquinas-ferramenta operando sem carga ou em condições de acabamento
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO230-1 de 12/1999 - Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 1: Exatidão geométrica de máquinas-ferramenta operando sem carga ou em condições de acabamento

Padroniza métodos de ensaio de exatidão de máquinas-ferramenta operando sem carga ou em condições de acabamento, por meio de verificações geométricas e práticas. Estes métodos também podem ser aplicados a outros tipos de máquinas industriais onde verif...

Desbalanceamento máximo permitido para ferramentas abrasivas - Teste estático
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO6103 de 12/2007 - Desbalanceamento máximo permitido para ferramentas abrasivas - Teste estático

Especifica os valores máximos permissíveis de desbalanceamento para ferramentas abrasivas (rebolos) das ISO 603-1 a ISO 603-9, ISO603-12 e NBR15230 na condição "como entregue", com diâmetro externo D>115 mm e velocidade de operação máxima V >_ 16 m/s. ...

Comando numérico de máquinas - Nomenclatura de sistema de coordenadas e movimentos
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM155 de 12/1998 - Comando numérico de máquinas - Nomenclatura de sistema de coordenadas e movimentos

Esta Norma descreve um sistema de coordenadas de máquina relacionado aos movimentos primários de máquinas individuais comandadas numericamente e aos movimentos associados da máquina.

Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular com e sem mesa móvel - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR12159 de 04/1992 - Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular com e sem mesa móvel - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio

Esta Norma prescreve o método de ensaio de verificação de precisão de serra circular com e sem serra móvel, conforme as NBR8027, NBR10722 e NBR10723, através de testes geométricos, e fornece os correspondentes desvios máximos permitidos, aplicáveis às ...

Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 7: Exatidão da peça-teste acabada
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO10791-7 de 12/1999 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 7: Exatidão da peça-teste acabada

Especifica uma série de ensaios de corte, sob condições de acabamento de peças-teste padronizadas, assim como as características e dimensões das mesmas. Tem a finalidade de fornecer requisitos mínimos para a avaliação de exatidão de corte da máquina. E...

Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 4: Ensaios circulares para máquinas-ferramenta com comando numérico
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO230-4 de 07/2002 - Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 4: Ensaios circulares para máquinas-ferramenta com comando numérico

Especifica métodos de ensaio e avalia a histerese circular, o desvio circular e radial das trajetórias circulares que são produzidos pelos movimentos simultâneos de dois eixos lineares.

Prensa mecânica de duas colunas - Ensaio para aceitação - Método de ensaio
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR13398 de 06/1995 - Prensa mecânica de duas colunas - Ensaio para aceitação - Método de ensaio

Esta Norma prescreve o método para aceitação de prensas mecânicas de duas colunas, com base na NBR 8027, através de verificação preliminar para instalação da máquina e ensaios geométricos, e fornece os correspondentes desvios admissíveis.

Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 2: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore vertical ou com cabeçotes universais com eixo rotativo primário vertical (eixo Z - vertical)
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO10791-2 de 05/2003 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 2: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore vertical ou com cabeçotes universais com eixo rotativo primário vertical (eixo Z - vertical)

Especifica os ensaios geométricos para centros de usinagem (ou fresadoras, mandrilhadoras, etc. comandadas numericamente, onde aplicável) com eixo árvore vertical (isto é, eixo Z - vertical).

Máquinas de moldagem por sopro destinadas à produção de artigos ocos de termoplástico - Requisitos técnicos de segurança para projeto e construção
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR13996 de 10/1997 - Máquinas de moldagem por sopro destinadas à produção de artigos ocos de termoplástico - Requisitos técnicos de segurança para projeto e construção

Esta Norma abrange os requisitos essenciais de saúde e segurança para o projeto e a construção de máquinas de moldagem por sopro para o processamento de termo-plásticos. Os riscos signicativos inerentes das máquinas de moldagem por sopro estão listados...

Calibrador anel liso cilíndrico "passa" e anel padrão liso cilíndrico para regulagem com diâmetro nominal de 1 mm a 315 mm para uso em mecânica de precisão
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM284 de 05/2003 - Calibrador anel liso cilíndrico "passa" e anel padrão liso cilíndrico para regulagem com diâmetro nominal de 1 mm a 315 mm para uso em mecânica de precisão

Especifica as dimensões e características para calibrador anel liso cilíndrico "passa" (FG), anel padrão liso cilíndrico para regulagem (FC) para uso em mecânca de precisão, ambos com diâmetro nominal de 1 mm até 315 mm.

Segurança de máquinas - Redução dos riscos à saúde resultantes de substâncias perigosas emitidas por máquinas - Parte 1: Princípios e especificações para fabricantes de máquinas
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR14191-1 de 10/1998 - Segurança de máquinas - Redução dos riscos à saúde resultantes de substâncias perigosas emitidas por máquinas - Parte 1: Princípios e especificações para fabricantes de máquinas

Esta parte da NBR 14191 descreve os princípios para o controle dos riscos à saúde resultantes da emissão de substâncias perigosas por máquinas.

Condições de segurança de tupia - Procedimento
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR13181 de 07/1994 - Condições de segurança de tupia - Procedimento

Esta Norma fixa as condições exigíveis de segurança, que devem ser parte integrante de tupia, desde a sua fabricação até a sua utilização pelo usuário final.

Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular radial - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR12158 de 04/1992 - Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular radial - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio

Esta Norma prescreve o método de ensaio para verificação de precisão de serra circular radial, conforme as NBR8027, NBR10722 e NBR10723, através de ensaios geométricos, e fornece os correspondentes desvios máximos permitidos aplicáveis às máquinas de p...

Máquinas têxteis - Código de ensaio acústico - Parte 1: Requisitos comuns
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO9902-1 de 07/2005 - Máquinas têxteis - Código de ensaio acústico - Parte 1: Requisitos comuns

Esta parte da NBRISO9902 estabelece requisitos para efetuar, eficientemente e sob condições padronizadas, a determinação, declaração e verificação dos valores básicos de emissão acústica comuns aos tipos de máquinas têxteis tratadas nas NBRISO9902-2 a ...

Máquinas injetoras para plástico e elastômeros - Terminologia
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR13757 de 12/1996 - Máquinas injetoras para plástico e elastômeros - Terminologia

Esta Norma define os termos a serem empregados em máquinas injetores para plásticos e elastômeros, para uso em documentos técnicos de qualquer tipo, como, por exemplo, catálogos, manuais, literaturas, etc., bem como as respectivas unidades.

Unidades modulares para máquinas-ferramenta - Paletes porta-peças - Parte 1: Paletes porta-peças com dimensão nominal até 800 mm
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO8526-1 de 05/1997 - Unidades modulares para máquinas-ferramenta - Paletes porta-peças - Parte 1: Paletes porta-peças com dimensão nominal até 800 mm

Esta parte da NBRISO8526 padroniza as dimensões de paletes porta-peças para uso com máquinas-ferramenta e em sistemas de fabricação.

Código de ensaio para máquinas-ferramenta - Parte 3: Determinação de efeitos térmicos
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO230-3 de 03/2004 - Código de ensaio para máquinas-ferramenta - Parte 3: Determinação de efeitos térmicos

Define três métodos de ensaio: ensaio de erro de variação de temperatura ambiental (EVTA); distorção térmica causada pela rotação de eixo-árvore; distorção térmica causada pelo movimento dos eixos lineares.

Comando numérico de máquinas - Terminologia
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR11312 de 12/1993 - Comando numérico de máquinas - Terminologia

Esta Norma define os termos gerais relativos à programação em comando numérico e estabelece os conceitos relevantes a esse campo e as relações existentes entre estes conceitos.

Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 3: Ensaios geométricos para máquinas com cabeçotes universais integrados e indexados ou contínuos (eixo Z-vertical)
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO10791-3 de 05/2003 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 3: Ensaios geométricos para máquinas com cabeçotes universais integrados e indexados ou contínuos (eixo Z-vertical)

Especifica os ensaios geométricos para centros de usinagem (ou fresadoras, mandriladoras, etc. comandadas numericamente onde aplicável) com cabeçotes universais integrados e indexados ou contínuos (eixo Z - vertical).

Comando numérico de máquinas - Símbolos
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO2972 de 12/1998 - Comando numérico de máquinas - Símbolos

Especifica uma série de símbolos normalizados para a identificação e apresentação de funções de controle em máquina-ferramenta e comando numérico (CN). Os símbolos aqui representados são específicos para aplicações em comando numérico. Em máquinas-ferr...

Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 1: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore horizontal e com cabeçotes acessórios (eixo Z - horizontal)
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO10791-1 de 07/2002 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 1: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore horizontal e com cabeçotes acessórios (eixo Z - horizontal)

Aplica-se aos centros de usinagem que possuem basicamente 4 eixos comandados numericamente, dos quais 3 são lineares (X, Y e Z) até 2000 mm de comprimento e um é rotativo (B') , mas também refere-se aos movimentos suplementares como dos eixos árvores d...

Unidades modulares para máquinas - Ferramentas - Paletes porta-peças - Parte 2: Paletes porta-peças com dimensão nominal maior que 800 mm
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO8526-2 de 05/1997 - Unidades modulares para máquinas - Ferramentas - Paletes porta-peças - Parte 2: Paletes porta-peças com dimensão nominal maior que 800 mm

Esta parte da NBRISO8526 padroniza as dimensões de paletes porta-peças para uso com máquinas-ferramenta e em sistemas de fabricação.

Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 4: Exatidão e repetitividade de posicionamento de eixos lineares e rotativos
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO10791-4 de 12/1999 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 4: Exatidão e repetitividade de posicionamento de eixos lineares e rotativos

Especifica as tolerâncias que se aplicam aos ensaios de posicionamento para eixos lineares, até 2 000 mm de comprimento, e eixos rotativos de centros de usinagem.

Condições de ensaios para centros de usinagem - Parte 5: Exatidão e repetitividade de posicionamento dos paletes porta peças
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO10791-5 de 03/2004 - Condições de ensaios para centros de usinagem - Parte 5: Exatidão e repetitividade de posicionamento dos paletes porta peças

Especifica os ensaios pretendidos para avaliar repetitividade de posicionamento dos palete individuais e a exatidão total do posicionamento de um conjunto de palete associados com uma máquina específica.

Máquinas para couro e calçados - Manuais técnicos - Estruturação de conteúdos
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBR14245 de 12/1998 - Máquinas para couro e calçados - Manuais técnicos - Estruturação de conteúdos

Esta Norma estabelece critérios para a estruturação de manuais técnicos de máquinas para couro e calçados, de modo e permitir uma redação uniforme e facilitar sua utilização pelas partes interessadas.

Máquinas têxteis - Códigos de ensaio acústico - Parte 4: Máquinas de processamento de fio e de fabricação de corda e artigo de codoaria
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRISO9902-4 de 07/2005 - Máquinas têxteis - Códigos de ensaio acústico - Parte 4: Máquinas de processamento de fio e de fabricação de corda e artigo de codoaria

Esta parte da NBRISO9902, em conjunto com a NBRISO9902-1, especifica as condições necessárias de montagem, operação e medição para mensuração, declaração e verificação do ruído emitido pelas máquinas de processamento de fio e de fabricação de corda e a...

Condições de ensaio para fresadoras comandadas manualmente com mesa de altura fixa - Ensaio de exatidão - Parte 1: Máquinas com eixo árvore horizontal
Vigente
add_shopping_cart
star_border
NBRNM-ISO1984-1 de 06/2004 - Condições de ensaio para fresadoras comandadas manualmente com mesa de altura fixa - Ensaio de exatidão - Parte 1: Máquinas com eixo árvore horizontal

Especifica os ensaios geométricos e os de usinagem, de aplicação geral e as fresadoras de exatidão normal com mesa de altura fixa e com eixo árvore horizontal. Também especifica as tolerâncias aplicadas correspondentes aos ensaios mencionados.

Segurança de Máquinas - Distâncias de segurança para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros superiores e inferiores

NBRISO13857 de 03/2021 - Segurança de Máquinas - Distâncias de segurança para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros superiores e inferiores

  • Este Documento estabelece valores para distâncias de segurança em ambientes industriais e não industriais, com o objetivo de prevenir que zonas perigosas sejam alcançadas. As distâncias de segurança são apropriadas para estruturas de proteção. Ele tamb... Segurança de Máquinas - Distâncias de segurança para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros superiores e inferiores
Norma Brasileira
Segurança de máquinas — Máquinas injetoras de plásticos e borracha

NBR13536 de 06/2016 - Segurança de máquinas — Máquinas injetoras de plásticos e borracha

  • Esta Norma especifica requisitos de segurança essenciais para o projeto e construção de máquinas injetoras de plásticos e borracha e provê informação para seu uso seguro. Segurança de máquinas — Máquinas injetoras de plásticos e borracha
Norma Brasileira
Máquinas fragmentadoras para plásticos — Requisitos de segurança para moinhos granuladores e trituradores

NBR15107 de 09/2017 - Máquinas fragmentadoras para plásticos — Requisitos de segurança para moinhos granuladores e trituradores

  • Esta Norma estabelece os requisitos de segurança para máquinas fragmentadoras para plásticos (moinhos granuladores e trituradores) que se iniciam na abertura de alimentação, ou dispositivo alimentador, se este for parte integrante da máquina, e termina... Máquinas fragmentadoras para plásticos — Requisitos de segurança para moinhos granuladores e trituradores
Norma Brasileira
Segurança de máquinas - Proteções - Requisitos gerais para o projeto e construção de proteções fixas e móveis

NBRNM272 de 07/2002 - Segurança de máquinas - Proteções - Requisitos gerais para o projeto e construção de proteções fixas e móveis

  • Esta Norma fixa requisitos gerais para o projeto e construção de proteções, desenvolvidas principalmente para a proteção de pessoas de perigos mecânicos. Segurança de máquinas - Proteções - Requisitos gerais para o projeto e construção de proteções fixas e móveis
Norma Brasileira
Segurança de máquinas - Dispositivos de comando bimanuais - Aspectos funcionais e princípios para projeto

NBR14152 de 07/1998 - Segurança de máquinas - Dispositivos de comando bimanuais - Aspectos funcionais e princípios para projeto

  • Esta Norma especifica os requisitos de segurança para um dispositivo de comando bimanual e sua unidade lógica. Segurança de máquinas - Dispositivos de comando bimanuais - Aspectos funcionais e princípios para projeto
Norma Brasileira
Segurança de máquinas - Temperatura de superfícies acessíveis - Dados ergonômicos para estabelecer os valores limites de temperatura de superfícies aquecidas

NBR13970 de 09/1997 - Segurança de máquinas - Temperatura de superfícies acessíveis - Dados ergonômicos para estabelecer os valores limites de temperatura de superfícies aquecidas

  • Esta Norma especifica dados relativos às circunstâncias sob as quais o contato com superfícies aquecidas pode causar queimaduras. Esses dados permitem a avaliação de riscos de queimaduras. Segurança de máquinas - Temperatura de superfícies acessíveis - Dados ergonômicos para estabelecer os valores limites de temperatura de superfícies aquecidas
Norma Brasileira
Segurança das máquinas — Requisitos de higiene para o projeto das máquinas

NBRISO14159 de 04/2010 - Segurança das máquinas — Requisitos de higiene para o projeto das máquinas

  • Esta Norma especifica os requisitos de higiene para máquinas e fornece informações para o uso pretendido a ser determinado pelo fabricante. Ela se aplica a todos os tipos de máquinas e equipamentos associados utilizados em aplicações onde possam ocorre... Segurança das máquinas — Requisitos de higiene para o projeto das máquinas
Norma Brasileira
Compressores de deslocamento positivo — Ensaios de aceitação

NBRISO1217 de 07/2012 - Compressores de deslocamento positivo — Ensaios de aceitação

  • Esta Norma especifica métodos para ensaios de aceitação referentes à vazão volumétrica e à potência consumida. Ela também especifica métodos de ensaio para compressores do tipo anel líquido. Compressores de deslocamento positivo — Ensaios de aceitação
Norma Brasileira
Lavanderia industrial

NBR6178 de 10/1993 - Lavanderia industrial

  • Esta Norma define os termos empregados em lavanderia industrial, visando a estabelecer uma linguagem uniforme. Lavanderia industrial
Norma Brasileira
Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 1: Exatidão geométrica de máquinas-ferramenta operando sem carga ou em condições de acabamento

NBRNM-ISO230-1 de 12/1999 - Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 1: Exatidão geométrica de máquinas-ferramenta operando sem carga ou em condições de acabamento

  • Padroniza métodos de ensaio de exatidão de máquinas-ferramenta operando sem carga ou em condições de acabamento, por meio de verificações geométricas e práticas. Estes métodos também podem ser aplicados a outros tipos de máquinas industriais onde verif... Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 1: Exatidão geométrica de máquinas-ferramenta operando sem carga ou em condições de acabamento
Norma Brasileira
Desbalanceamento máximo permitido para ferramentas abrasivas - Teste estático

NBRISO6103 de 12/2007 - Desbalanceamento máximo permitido para ferramentas abrasivas - Teste estático

  • Especifica os valores máximos permissíveis de desbalanceamento para ferramentas abrasivas (rebolos) das ISO 603-1 a ISO 603-9, ISO603-12 e NBR15230 na condição "como entregue", com diâmetro externo D>115 mm e velocidade de operação máxima V >_ 16 m/s. ... Desbalanceamento máximo permitido para ferramentas abrasivas - Teste estático
Norma Brasileira
Comando numérico de máquinas - Nomenclatura de sistema de coordenadas e movimentos

NBRNM155 de 12/1998 - Comando numérico de máquinas - Nomenclatura de sistema de coordenadas e movimentos

  • Esta Norma descreve um sistema de coordenadas de máquina relacionado aos movimentos primários de máquinas individuais comandadas numericamente e aos movimentos associados da máquina. Comando numérico de máquinas - Nomenclatura de sistema de coordenadas e movimentos
Norma Brasileira
Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular com e sem mesa móvel - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio

NBR12159 de 04/1992 - Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular com e sem mesa móvel - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio

  • Esta Norma prescreve o método de ensaio de verificação de precisão de serra circular com e sem serra móvel, conforme as NBR8027, NBR10722 e NBR10723, através de testes geométricos, e fornece os correspondentes desvios máximos permitidos, aplicáveis às ... Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular com e sem mesa móvel - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio
Norma Brasileira
Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 7: Exatidão da peça-teste acabada

NBRNM-ISO10791-7 de 12/1999 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 7: Exatidão da peça-teste acabada

  • Especifica uma série de ensaios de corte, sob condições de acabamento de peças-teste padronizadas, assim como as características e dimensões das mesmas. Tem a finalidade de fornecer requisitos mínimos para a avaliação de exatidão de corte da máquina. E... Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 7: Exatidão da peça-teste acabada
Norma Brasileira
Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 4: Ensaios circulares para máquinas-ferramenta com comando numérico

NBRNM-ISO230-4 de 07/2002 - Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 4: Ensaios circulares para máquinas-ferramenta com comando numérico

  • Especifica métodos de ensaio e avalia a histerese circular, o desvio circular e radial das trajetórias circulares que são produzidos pelos movimentos simultâneos de dois eixos lineares. Código de ensaio de máquinas-ferramenta - Parte 4: Ensaios circulares para máquinas-ferramenta com comando numérico
Norma Brasileira
Prensa mecânica de duas colunas - Ensaio para aceitação - Método de ensaio

NBR13398 de 06/1995 - Prensa mecânica de duas colunas - Ensaio para aceitação - Método de ensaio

  • Esta Norma prescreve o método para aceitação de prensas mecânicas de duas colunas, com base na NBR 8027, através de verificação preliminar para instalação da máquina e ensaios geométricos, e fornece os correspondentes desvios admissíveis. Prensa mecânica de duas colunas - Ensaio para aceitação - Método de ensaio
Norma Brasileira
Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 2: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore vertical ou com cabeçotes universais com eixo rotativo primário vertical (eixo Z - vertical)

NBRNM-ISO10791-2 de 05/2003 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 2: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore vertical ou com cabeçotes universais com eixo rotativo primário vertical (eixo Z - vertical)

  • Especifica os ensaios geométricos para centros de usinagem (ou fresadoras, mandrilhadoras, etc. comandadas numericamente, onde aplicável) com eixo árvore vertical (isto é, eixo Z - vertical). Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 2: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore vertical ou com cabeçotes universais com eixo rotativo primário vertical (eixo Z - vertical)
Norma Brasileira
Máquinas de moldagem por sopro destinadas à produção de artigos ocos de termoplástico - Requisitos técnicos de segurança para projeto e construção

NBR13996 de 10/1997 - Máquinas de moldagem por sopro destinadas à produção de artigos ocos de termoplástico - Requisitos técnicos de segurança para projeto e construção

  • Esta Norma abrange os requisitos essenciais de saúde e segurança para o projeto e a construção de máquinas de moldagem por sopro para o processamento de termo-plásticos. Os riscos signicativos inerentes das máquinas de moldagem por sopro estão listados... Máquinas de moldagem por sopro destinadas à produção de artigos ocos de termoplástico - Requisitos técnicos de segurança para projeto e construção
Norma Brasileira
Calibrador anel liso cilíndrico "passa" e anel padrão liso cilíndrico para regulagem com diâmetro nominal de 1 mm a 315 mm para uso em mecânica de precisão

NBRNM284 de 05/2003 - Calibrador anel liso cilíndrico "passa" e anel padrão liso cilíndrico para regulagem com diâmetro nominal de 1 mm a 315 mm para uso em mecânica de precisão

  • Especifica as dimensões e características para calibrador anel liso cilíndrico "passa" (FG), anel padrão liso cilíndrico para regulagem (FC) para uso em mecânca de precisão, ambos com diâmetro nominal de 1 mm até 315 mm. Calibrador anel liso cilíndrico "passa" e anel padrão liso cilíndrico para regulagem com diâmetro nominal de 1 mm a 315 mm para uso em mecânica de precisão
Norma Brasileira
Segurança de máquinas - Redução dos riscos à saúde resultantes de substâncias perigosas emitidas por máquinas - Parte 1: Princípios e especificações para fabricantes de máquinas

NBR14191-1 de 10/1998 - Segurança de máquinas - Redução dos riscos à saúde resultantes de substâncias perigosas emitidas por máquinas - Parte 1: Princípios e especificações para fabricantes de máquinas

  • Esta parte da NBR 14191 descreve os princípios para o controle dos riscos à saúde resultantes da emissão de substâncias perigosas por máquinas. Segurança de máquinas - Redução dos riscos à saúde resultantes de substâncias perigosas emitidas por máquinas - Parte 1: Princípios e especificações para fabricantes de máquinas
Norma Brasileira
Condições de segurança de tupia - Procedimento

NBR13181 de 07/1994 - Condições de segurança de tupia - Procedimento

  • Esta Norma fixa as condições exigíveis de segurança, que devem ser parte integrante de tupia, desde a sua fabricação até a sua utilização pelo usuário final. Condições de segurança de tupia - Procedimento
Norma Brasileira
Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular radial - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio

NBR12158 de 04/1992 - Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular radial - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio

  • Esta Norma prescreve o método de ensaio para verificação de precisão de serra circular radial, conforme as NBR8027, NBR10722 e NBR10723, através de ensaios geométricos, e fornece os correspondentes desvios máximos permitidos aplicáveis às máquinas de p... Máquinas para trabalhar madeira - Serra circular radial - Ensaios para verificação de precisão - Método de ensaio
Norma Brasileira
Máquinas têxteis - Código de ensaio acústico - Parte 1: Requisitos comuns

NBRISO9902-1 de 07/2005 - Máquinas têxteis - Código de ensaio acústico - Parte 1: Requisitos comuns

  • Esta parte da NBRISO9902 estabelece requisitos para efetuar, eficientemente e sob condições padronizadas, a determinação, declaração e verificação dos valores básicos de emissão acústica comuns aos tipos de máquinas têxteis tratadas nas NBRISO9902-2 a ... Máquinas têxteis - Código de ensaio acústico - Parte 1: Requisitos comuns
Norma Brasileira
Máquinas injetoras para plástico e elastômeros - Terminologia

NBR13757 de 12/1996 - Máquinas injetoras para plástico e elastômeros - Terminologia

  • Esta Norma define os termos a serem empregados em máquinas injetores para plásticos e elastômeros, para uso em documentos técnicos de qualquer tipo, como, por exemplo, catálogos, manuais, literaturas, etc., bem como as respectivas unidades. Máquinas injetoras para plástico e elastômeros - Terminologia
Norma Brasileira
Unidades modulares para máquinas-ferramenta - Paletes porta-peças - Parte 1: Paletes porta-peças com dimensão nominal até 800 mm

NBRISO8526-1 de 05/1997 - Unidades modulares para máquinas-ferramenta - Paletes porta-peças - Parte 1: Paletes porta-peças com dimensão nominal até 800 mm

  • Esta parte da NBRISO8526 padroniza as dimensões de paletes porta-peças para uso com máquinas-ferramenta e em sistemas de fabricação. Unidades modulares para máquinas-ferramenta - Paletes porta-peças - Parte 1: Paletes porta-peças com dimensão nominal até 800 mm
Norma Brasileira
Código de ensaio para máquinas-ferramenta - Parte 3: Determinação de efeitos térmicos

NBRNM-ISO230-3 de 03/2004 - Código de ensaio para máquinas-ferramenta - Parte 3: Determinação de efeitos térmicos

  • Define três métodos de ensaio: ensaio de erro de variação de temperatura ambiental (EVTA); distorção térmica causada pela rotação de eixo-árvore; distorção térmica causada pelo movimento dos eixos lineares. Código de ensaio para máquinas-ferramenta - Parte 3: Determinação de efeitos térmicos
Norma Brasileira
Comando numérico de máquinas - Terminologia

NBR11312 de 12/1993 - Comando numérico de máquinas - Terminologia

  • Esta Norma define os termos gerais relativos à programação em comando numérico e estabelece os conceitos relevantes a esse campo e as relações existentes entre estes conceitos. Comando numérico de máquinas - Terminologia
Norma Brasileira
Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 3: Ensaios geométricos para máquinas com cabeçotes universais integrados e indexados ou contínuos (eixo Z-vertical)

NBRNM-ISO10791-3 de 05/2003 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 3: Ensaios geométricos para máquinas com cabeçotes universais integrados e indexados ou contínuos (eixo Z-vertical)

  • Especifica os ensaios geométricos para centros de usinagem (ou fresadoras, mandriladoras, etc. comandadas numericamente onde aplicável) com cabeçotes universais integrados e indexados ou contínuos (eixo Z - vertical). Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 3: Ensaios geométricos para máquinas com cabeçotes universais integrados e indexados ou contínuos (eixo Z-vertical)
Norma Brasileira
Comando numérico de máquinas - Símbolos

NBRNM-ISO2972 de 12/1998 - Comando numérico de máquinas - Símbolos

  • Especifica uma série de símbolos normalizados para a identificação e apresentação de funções de controle em máquina-ferramenta e comando numérico (CN). Os símbolos aqui representados são específicos para aplicações em comando numérico. Em máquinas-ferr... Comando numérico de máquinas - Símbolos
Norma Brasileira
Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 1: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore horizontal e com cabeçotes acessórios (eixo Z - horizontal)

NBRNM-ISO10791-1 de 07/2002 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 1: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore horizontal e com cabeçotes acessórios (eixo Z - horizontal)

  • Aplica-se aos centros de usinagem que possuem basicamente 4 eixos comandados numericamente, dos quais 3 são lineares (X, Y e Z) até 2000 mm de comprimento e um é rotativo (B') , mas também refere-se aos movimentos suplementares como dos eixos árvores d... Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 1: Ensaios geométricos para máquinas com eixo árvore horizontal e com cabeçotes acessórios (eixo Z - horizontal)
Norma Brasileira
Unidades modulares para máquinas - Ferramentas - Paletes porta-peças - Parte 2: Paletes porta-peças com dimensão nominal maior que 800 mm

NBRISO8526-2 de 05/1997 - Unidades modulares para máquinas - Ferramentas - Paletes porta-peças - Parte 2: Paletes porta-peças com dimensão nominal maior que 800 mm

  • Esta parte da NBRISO8526 padroniza as dimensões de paletes porta-peças para uso com máquinas-ferramenta e em sistemas de fabricação. Unidades modulares para máquinas - Ferramentas - Paletes porta-peças - Parte 2: Paletes porta-peças com dimensão nominal maior que 800 mm
Norma Brasileira
Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 4: Exatidão e repetitividade de posicionamento de eixos lineares e rotativos

NBRNM-ISO10791-4 de 12/1999 - Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 4: Exatidão e repetitividade de posicionamento de eixos lineares e rotativos

  • Especifica as tolerâncias que se aplicam aos ensaios de posicionamento para eixos lineares, até 2 000 mm de comprimento, e eixos rotativos de centros de usinagem. Condições de ensaio para centros de usinagem - Parte 4: Exatidão e repetitividade de posicionamento de eixos lineares e rotativos
Norma Brasileira
Condições de ensaios para centros de usinagem - Parte 5: Exatidão e repetitividade de posicionamento dos paletes porta peças

NBRNM-ISO10791-5 de 03/2004 - Condições de ensaios para centros de usinagem - Parte 5: Exatidão e repetitividade de posicionamento dos paletes porta peças

  • Especifica os ensaios pretendidos para avaliar repetitividade de posicionamento dos palete individuais e a exatidão total do posicionamento de um conjunto de palete associados com uma máquina específica. Condições de ensaios para centros de usinagem - Parte 5: Exatidão e repetitividade de posicionamento dos paletes porta peças
Norma Brasileira
Máquinas para couro e calçados - Manuais técnicos - Estruturação de conteúdos

NBR14245 de 12/1998 - Máquinas para couro e calçados - Manuais técnicos - Estruturação de conteúdos

  • Esta Norma estabelece critérios para a estruturação de manuais técnicos de máquinas para couro e calçados, de modo e permitir uma redação uniforme e facilitar sua utilização pelas partes interessadas. Máquinas para couro e calçados - Manuais técnicos - Estruturação de conteúdos
Norma Brasileira
Máquinas têxteis - Códigos de ensaio acústico - Parte 4: Máquinas de processamento de fio e de fabricação de corda e artigo de codoaria

NBRISO9902-4 de 07/2005 - Máquinas têxteis - Códigos de ensaio acústico - Parte 4: Máquinas de processamento de fio e de fabricação de corda e artigo de codoaria

  • Esta parte da NBRISO9902, em conjunto com a NBRISO9902-1, especifica as condições necessárias de montagem, operação e medição para mensuração, declaração e verificação do ruído emitido pelas máquinas de processamento de fio e de fabricação de corda e a... Máquinas têxteis - Códigos de ensaio acústico - Parte 4: Máquinas de processamento de fio e de fabricação de corda e artigo de codoaria
Norma Brasileira
Condições de ensaio para fresadoras comandadas manualmente com mesa de altura fixa - Ensaio de exatidão - Parte 1: Máquinas com eixo árvore horizontal

NBRNM-ISO1984-1 de 06/2004 - Condições de ensaio para fresadoras comandadas manualmente com mesa de altura fixa - Ensaio de exatidão - Parte 1: Máquinas com eixo árvore horizontal

  • Especifica os ensaios geométricos e os de usinagem, de aplicação geral e as fresadoras de exatidão normal com mesa de altura fixa e com eixo árvore horizontal. Também especifica as tolerâncias aplicadas correspondentes aos ensaios mencionados. Condições de ensaio para fresadoras comandadas manualmente com mesa de altura fixa - Ensaio de exatidão - Parte 1: Máquinas com eixo árvore horizontal
Norma Brasileira