Text page

NFPA 14: instalação de sistemas de tubos e mangueiras

Essa norma internacional, editada em 2019 pela National Fire Protection Association (NFPA), cobre os requisitos mínimos para a instalação de tubos de apoio e sistemas de mangueiras. Não especifica os requisitos para inspeção, ensaio e manutenção periódicos desses sistemas. reflete as mais recentes tecnologias e orientações de segurança, para ajudá-lo a melhorar a proteção e a segurança contra incêndios por meio de projeto, instalação, inspeção, ensaio e manutenção corretos.

13/11/2019 - Equipe Target

Os tubos e os sistemas de mangueiras

A NFPA 14:2019 - Standard for the Installation of Standpipe and Hose Systems cobre os requisitos mínimos para a instalação de tubos de apoio e sistemas de mangueiras. Não cobre os requisitos para inspeção, teste e manutenção periódicos desses sistemas. reflete as mais recentes tecnologias e orientações de segurança, para ajudá-lo a melhorar a proteção e a segurança contra incêndios por meio de projeto, instalação, inspeção, teste e manutenção corretos. A norma é importante para um setor essencial do planejamento do projeto ao longo do ciclo de vida do sistema de tubos de distribuição. Inclui capítulos sobre os componentes e hardware do sistema, instalação, desenhos, planos e cálculos, provisão de água e ensaio de provisão de água, ensaio de aceitação do sistema e edifícios em construção.

As atualizações na edição de 2019 incluem novos requisitos para o monitoramento à distância e uso de componentes para obter inspeção e ensaio automatizados, o que reflete a tecnologia que permite o monitoramento de determinadas condições, bem como a inspeção e o ensaio de sistemas de tubos de distribuição a partir de um local remoto. Incorpora novos requisitos para garagens de estacionamento abertas que permitem os tubos manuais em garagens de estacionamento abertas sob uma certa altura. O novo capítulo 13 abrange os sistemas de mangueiras e tubos marítimos. Os termos e definições foram revisados para consistência e esclarecidos com base no uso em campo. Outras mudanças ajudaram a melhorar a segurança e a conformidade.

Devido à facilidade com que uma única conexão pode ser comprometida, esta edição da NFPA 14 inclui um número necessário atualizado de conexões dos bombeiros. A sinalização para requisitos de pressão não é mais necessária quando a pressão é de 150 psi ou menos, para alinhar com a NFPA 13E. A pressão máxima permitida em qualquer ponto do sistema é aumentada de 350 psi para 400 psi.

Os critérios revisados que esclarecem que a pressão necessária deve ser calculada na saída da válvula da mangueira. Os procedimentos claros de cálculo hidráulico especificam que tubos de apoio adicionais devem ser calculados no ponto de conexão e não na saída mais alta. As disposições revisadas para delinear entre um dreno principal do sistema de tubo vertical e os drenos individuais do tubo vertical.

Conteúdo da norma

Capítulo 1 Administração

1.1 Escopo

1.2 Objetivo

1.3 Retroatividade

1.4 Equivalência

1.5 Unidades

Capítulo 2 Publicações referenciadas

2.1 Geral

2.2 Publicações da NFPA

2.3 Outras publicações

2.4 Referências para extratos em seções obrigatórias

Capítulo 3 Definições

3.1 Geral

3.2 Definições oficiais da NFPA

3.3 Definições gerais

Capítulo 4 Componentes e hardware do sistema

4.1 Geral

4.2 Tubulação

4.3 Acessórios

4.4 União de tubos e conexões

4.5 Válvulas

4.6 Estações de mangueira

4.7 Conexões da mangueira

4.8 Conexões do Corpo de Bombeiros

4.9 Dispositivos de regulação de pressão

4.10 Sinais

Capítulo 5 Requisitos do sistema

5.1 Geral

5.2 Sistemas secos automáticos e semiautomáticos

5.3 Classes de sistemas de tubo vertical

5.4 Tipo de sistema necessário

5.5 Manômetros

5.6 Fluxo de água e alarmes de supervisão

Capítulo 6 Requisitos de instalação

6.1 Localização e proteção da tubulação

6.2 Tubulação subterrânea

6.3 Válvulas de gaveta e válvulas de retenção

6.4 Conexões do Corpo de Bombeiros

6.5 Suporte de tubulação

6.6 Instalação de sinais

6.7 Sinais para bombas de abastecimento de água

6.8 Sinal de informações do projeto hidráulico

Capítulo 7 Projeto

7.1 Geral

7.2 Limitação de pressão.
7.3 Localização das conexões da mangueira

7.4 Número de tubos de suporte

7.5 Interconexão de tubos de apoio

7.6 Tamanhos mínimos para tubo vertical e linha de derivação, tubo vertical classe I e classe III

7.7 Projeto do sistema e dimensionamento de tubos para entrega da demanda do sistema

7.8 Limites mínimo e máximo de pressão

7.9 Zonas do sistema de tubo vertical

7.10 Vazões

7.11 Drenos e ensaio de elevação

7.12 Conexões do Corpo de Bombeiros

Capítulo 8 Planos e cálculos

8.1 Planos e especificações

8.2 Cálculos hidráulicos

8.3 Procedimentos de cálculo hidráulico

Capítulo 9 Abastecimento de água

9.1 Abastecimento de água necessário

9.2 Fornecimento mínimo para sistemas de classe I, classe II e classe III.

Capítulo 10 Ensaio de abastecimento de água

10.1 Avaliação do abastecimento de água

10.2 Procedimento

Capítulo 11 Aceitação do sistema

11.1 Geral

11.2 Lavagem da tubulação

11.3 Roscas da mangueira

11.4 Ensaios hidrostáticos

11.5 Ensaios de fluxo

11.6 Ensaio manual da válvula

11.7 Dispositivos e equipamentos de inspeção e ensaio automatizados

11.8 Ensaios de alarme e supervisão

11.9 Registro de desenhos, relatórios de ensaio e manuais

11.10 Sinais.

Capítulo 12 Edifícios em construção

12.1 Geral

12.2 Conexões do Corpo de Bombeiros

12.3 Outros recursos do sistema

12.4 Suporte de tubulação

12.5 Conexões da mangueira

12.6 Extensão da tubulação do sistema

12.7 Instalações temporárias

12.8 Momento da instalação do abastecimento de água

12.9 Proteção de conexões de mangueira e conexões de bombeiros

Capítulo 13 Tubos e mangueiras marítimas

13.1 Aplicação geral

13.2 Componentes e hardware

13.3 Requisitos do sistema

13.4 Instalação

13.5 Projeto

13.6 Planos e cálculos

13.7 Abastecimento de água

13.8 Ensaio de abastecimento de água

13.9 Aceitação do sistema

13.10 Inspeção, ensaio e manutenção do sistema

Anexo A Material explicativo

Anexo B Referências informativas

FONTE: Equipe Target

Baseado nos documentos visitados

Normas recomendadas para você

Mangueira de incêndio - Inspeção, manutenção e cuidados
NBR12779 de 01/2009

Mangueira de incêndio - Inspeção, manutenção e cuidados

Mangueiras de borracha para água e ar - Requisitos
NBR15125 de 07/2004

Mangueiras de borracha para água e ar - Requisitos

Mangueiras industriais - Métodos de ensaio
NBR14967 de 11/2020

Mangueiras industriais - Métodos de ensaio

Mangueiras de plástico para desobstrução e limpeza de tubulações de PVC rígido por hidrojateamento - Verificação da resistência à abrasão
NBR11994 de 03/2017

Mangueiras de plástico para desobstrução e limpeza de tubulações de PVC rígido por hidrojateamento - Verificação da resistência à abrasão

Mangueira de incêndio - Requisitos e métodos de ensaio
NBR11861 de 10/1998

Mangueira de incêndio - Requisitos e métodos de ensaio

Sistemas de detecção e alarme de incêndio – Projeto, instalação, comissionamento e manutenção de sistemas de detecção e alarme de incêndio – Requisitos
NBR17240 de 10/2010

Sistemas de detecção e alarme de incêndio – Projeto, instalação, comissionamento e manutenção de sistemas de detecção e alarme de incêndio – Requisitos

Iluminação de ambientes de trabalho - Parte 1: Interior
NBRISO/CIE8995-1 de 03/2013

Iluminação de ambientes de trabalho - Parte 1: Interior

Brigada de incêndio e emergência - Requisitos e procedimentos
NBR14276 de 04/2020

Brigada de incêndio e emergência - Requisitos e procedimentos

Sistemas de hidrantes e de mangotinhos para combate a incêndio
NBR13714 de 01/2000

Sistemas de hidrantes e de mangotinhos para combate a incêndio

Mangueiras de abastecimento, transferência, carga e descarga de combustíveis, biocombustíveis e aditivos
NBR15690 de 01/2021

Mangueiras de abastecimento, transferência, carga e descarga de combustíveis, biocombustíveis e aditivos

Sinalização de segurança contra incêndio e pânico - Parte 3: Requisitos e métodos de ensaio
NBR13434-3 de 09/2020

Sinalização de segurança contra incêndio e pânico - Parte 3: Requisitos e métodos de ensaio

Mangueiras hidráulicas - Requisitos e métodos de ensaio
NBR14831 de 07/2022

Mangueiras hidráulicas - Requisitos e métodos de ensaio

Mangueiras de borracha para sucção e descarga de água - Requisitos
NBR15178 de 12/2004

Mangueiras de borracha para sucção e descarga de água - Requisitos

Sistemas de proteção por extintores de incêndio
NBR12693 de 01/2021

Sistemas de proteção por extintores de incêndio

Mangueiras de borracha para sucção e descarga de combustíveis líquidos - Requisitos
NBR15416 de 10/2006

Mangueiras de borracha para sucção e descarga de combustíveis líquidos - Requisitos

Sistema de iluminação de emergência
NBR10898 de 03/2013

Sistema de iluminação de emergência

Conexões metálicas para tubos para transmissão de fluido e uso geral - Parte 1: Conectores cônicos de 24°
NBRISO8434-1 de 07/2010

Conexões metálicas para tubos para transmissão de fluido e uso geral - Parte 1: Conectores cônicos de 24°

Plano de emergência — Requisitos e procedimentos
NBR15219 de 04/2020

Plano de emergência — Requisitos e procedimentos

Conexões metálicas para tubos para transmissão de fluido e uso em geral - Parte 3: Conectores face plana com vedação por O-ring
NBRISO8434-3 de 11/2010

Conexões metálicas para tubos para transmissão de fluido e uso em geral - Parte 3: Conectores face plana com vedação por O-ring

Sinalização de segurança contra incêndio e pânico - Parte 1: Princípios de projeto
NBR13434-1 de 09/2020

Sinalização de segurança contra incêndio e pânico - Parte 1: Princípios de projeto

Mangueiras de plástico para desobstrução e limpeza de tubulações de PVC rígido por hidrojateamento — Determinação do coeficiente de atrito
NBR11992 de 09/2017

Mangueiras de plástico para desobstrução e limpeza de tubulações de PVC rígido por hidrojateamento — Determinação do coeficiente de atrito

Mangueiras industriais — Terminologia
NBR9711 de 02/2013

Mangueiras industriais — Terminologia

Conexões metálicas para tubos para transmissão de fluido e uso geral - Parte 2: Conectores boleados a 37°
NBRISO8434-2 de 11/2010

Conexões metálicas para tubos para transmissão de fluido e uso geral - Parte 2: Conectores boleados a 37°

Sinalização de segurança contra incêndio e pânico - Parte 2: Símbolos e suas formas, dimensões e cores
NBR13434-2 de 09/2020

Sinalização de segurança contra incêndio e pânico - Parte 2: Símbolos e suas formas, dimensões e cores

Mangueiras de borracha para vapor - Requisitos
NBR15347 de 03/2006

Mangueiras de borracha para vapor - Requisitos

Mangueiras de borracha para solda, corte e processos correlatos — Requisitos
NBR15959 de 07/2011

Mangueiras de borracha para solda, corte e processos correlatos — Requisitos