Text page

Atmosferas Explosivas – Diretrizes para projetos, instalações e manutenção de traceamento elétrico resistivo

A Norma técnica NBR 15462:2007 fornece diretrizes para o projeto, instalação e manutenção dos equipamentos de traceamento elétrico e outros associados ao seu controle e monitoramento.

A Norma técnica NBR 15462:2007 fornece diretrizes para o projeto, instalação e manutenção dos equipamentos de traceamento elétrico e outros associados ao seu controle e monitoramento.

A crescente utilização de sistema de traceamento elétrico (trace heating), em substituição aos tradicionais sistemas de traço a vapor, água aquecida, fluidos térmicos etc., em processos industriais que requerem a manutenção de determinadas temperatura em tanques e tubulações, estimulam o desenvolvimento de novas tecnologias sempre com ênfase na segurança, conservação de energia e otimização e redução de custos.

A necessidade da adoção de medidas de proteção em ambientes industriais que utilizam ou processam produtos inflamáveis, torna-se cada vez mais evidente. É por esta razão que diretrizes efetivas vem sendo aplicadas, de forma a eliminar possíveis fontes de ignição e, assim, reduzir os riscos de uma explosão em ambientes em que gases, vapores ou até mesmo poeiras inflamáveis possam estar presentes.

A Norma Técnica Brasileira NBR 15462:2007 - Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Traceamento elétrico resistivo - Procedimento de projeto, instalação e manutenção – que fornece diretrizes para sistemas de traceamento elétrico resistivos para aplicação em áreas onde atmosferas potencialmente explosivas podem estar presentes. Ela fornece recomendações para projeto, instalação e manutenção dos equipamentos de traceamento elétrico e equipamentos associados de controle e monitoramento e complementa os requisitos especificados na norma NBR IEC 62086-1.

Os profissionais do setor que buscam garantir a padronização dos procedimentos de projetos, fabricação, ensaios, marcação, certificação, instalação, inspeção, manutenção e reparos de equipamentos e instalações elétricas, de acordo com os requisitos encontrados nas Normas Técnicas Brasileiras, reconhecem a obrigatoriedade das organizações neste aspecto e já caminham para a efetividade de todos os seus processos.


Para mais informações sobre a norma técnica NBR 15642:2007, clique aqui.

Baseado nos documentos visitados

Normas recomendadas para você

Atmosferas explosivas - Parte 19: Reparo, revisão e recuperação de equipamentos
NBRIEC60079-19 de 12/2008

Atmosferas explosivas - Parte 19: Reparo, revisão e recuperação de equipamentos

Isoladores ocos com ou sem pressão interna, de cerâmica, para uso em equipamentos elétricos com tensão nominal acima de 1 000 V
NBR15829 de 10/2017

Isoladores ocos com ou sem pressão interna, de cerâmica, para uso em equipamentos elétricos com tensão nominal acima de 1 000 V

Atmosferas explosivas - Parte 10-1: Classificação de áreas - Atmosferas explosivas de gás
NBRIEC60079-10-1 de 11/2018

Atmosferas explosivas - Parte 10-1: Classificação de áreas - Atmosferas explosivas de gás

Atmosferas explosivas - Parte 2: Proteção de equipamento por invólucro pressurizado “p”
NBRIEC60079-2 de 10/2016

Atmosferas explosivas - Parte 2: Proteção de equipamento por invólucro pressurizado “p”

Atmosferas explosivas - Parte 25: Sistemas elétricos intrinsecamente seguros
NBRIEC60079-25 de 08/2021

Atmosferas explosivas - Parte 25: Sistemas elétricos intrinsecamente seguros

Atmosfera explosiva - Parte 29-1: Detectores de gás - Requisitos de desempenho de detectores para gases inflamáveis
NBRIEC60079-29-1 de 10/2008

Atmosfera explosiva - Parte 29-1: Detectores de gás - Requisitos de desempenho de detectores para gases inflamáveis

Atmosferas explosivas - Parte 11: Proteção de equipamento por segurança intrínseca “i”
NBRIEC60079-11 de 11/2013

Atmosferas explosivas - Parte 11: Proteção de equipamento por segurança intrínseca “i”

Atmosferas explosivas - Parte 27: Conceito de Fieldbus intrinsecamente seguro (FISCO)
NBRIEC60079-27 de 11/2013

Atmosferas explosivas - Parte 27: Conceito de Fieldbus intrinsecamente seguro (FISCO)

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas. - Parte 16: Ventilação artificial para a proteção de casa de analisadores
ABNT IEC/TR60079-16 de 02/2009

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas. - Parte 16: Ventilação artificial para a proteção de casa de analisadores

Equipamentos elétricos para uso na presença de poeiras combustíveis - Parte 10: Classificação de áreas onde poeiras combustíveis estão ou podem estar presentes
NBRIEC61241-10 de 03/2013

Equipamentos elétricos para uso na presença de poeiras combustíveis - Parte 10: Classificação de áreas onde poeiras combustíveis estão ou podem estar presentes

Atmosferas explosivas - Parte 14: Projeto, seleção e montagem de instalações elétricas
NBRIEC60079-14 de 11/2016

Atmosferas explosivas - Parte 14: Projeto, seleção e montagem de instalações elétricas

Equipamentos elétricos para utilização em presença de poeira combustível - Parte 0: Requisitos gerais
NBRIEC61241-0 de 06/2013

Equipamentos elétricos para utilização em presença de poeira combustível - Parte 0: Requisitos gerais

Sistemas de proteção contra explosão - Parte 1: Determinação dos índices de explosão dos pós combustíveis no ar
NBRISO6184-1 de 05/2007

Sistemas de proteção contra explosão - Parte 1: Determinação dos índices de explosão dos pós combustíveis no ar

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 13: Construção e utilização de ambientes ou edificações protegidas por pressurização
ABNT IEC/TR60079-13 de 04/2012

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 13: Construção e utilização de ambientes ou edificações protegidas por pressurização

Atmosferas explosivas - Parte 0: Equipamentos - Requisitos gerais
NBRIEC60079-0 de 11/2020

Atmosferas explosivas - Parte 0: Equipamentos - Requisitos gerais

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 15: Construção, ensaio e marcação de equipamentos elétricos com tipo de proteção "n"
NBRIEC60079-15 de 12/2007

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 15: Construção, ensaio e marcação de equipamentos elétricos com tipo de proteção "n"

Equipamentos elétricos imersos em óleo para atmosferas explosivas
NBR8601 de 03/2010

Equipamentos elétricos imersos em óleo para atmosferas explosivas

Equipamentos elétricos para utilização em presença de poeira combustível - Parte 4: Tipo de proteção
NBRIEC61241-4 de 09/2017

Equipamentos elétricos para utilização em presença de poeira combustível - Parte 4: Tipo de proteção

Atmosferas explosivas - Parte 6: Proteção de equipamento por imersão em líquido “o”
NBRIEC60079-6 de 05/2021

Atmosferas explosivas - Parte 6: Proteção de equipamento por imersão em líquido “o”

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas. - Parte 20: Dados de gases ou vapores inflamáveis referentes à utilização de equipamentos elétricos
ABNT IEC/TR60079-20 de 07/2011

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas. - Parte 20: Dados de gases ou vapores inflamáveis referentes à utilização de equipamentos elétricos

Equipamentos elétricos para utilização em presença de poeira combustível - Parte 1: Proteção por invólucros "tD"
NBRIEC61241-1 de 10/2011

Equipamentos elétricos para utilização em presença de poeira combustível - Parte 1: Proteção por invólucros "tD"

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Terminologia
NBRNM-IEC60050-426 de 05/2011

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Terminologia

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Traceamento elétrico resistivo - Parte 1: Requisitos gerais
NBRIEC62086-1 de 04/2014

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Traceamento elétrico resistivo - Parte 1: Requisitos gerais

Sistema de proteção contra explosões - Parte 4: Determinação de eficácia dos sistemas de supressão de explosões
NBRISO6184-4 de 09/2007

Sistema de proteção contra explosões - Parte 4: Determinação de eficácia dos sistemas de supressão de explosões

Atmosferas explosivas - Parte 5: Proteção de equipamentos por imersão em areia “q”
NBRIEC60079-5 de 08/2016

Atmosferas explosivas - Parte 5: Proteção de equipamentos por imersão em areia “q”

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 1: Invólucros à prova de explosão "d"
NBRIEC60079-1 de 12/2007

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 1: Invólucros à prova de explosão "d"

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 17: Inspeção e manutenção de instalações elétricas em áreas classificadas (exceto minas
NBRIEC60079-17 de 12/2005

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 17: Inspeção e manutenção de instalações elétricas em áreas classificadas (exceto minas

Atmosferas explosivas - Parte 26: Equipamento com elementos de separação ou níveis de proteção combinados
NBRIEC60079-26 de 05/2022

Atmosferas explosivas - Parte 26: Equipamento com elementos de separação ou níveis de proteção combinados

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 18: Construção, ensaios e marcação do tipo de proteção para equipamentos elétricos encapsulados "m"
NBRIEC60079-18 de 12/2007

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Parte 18: Construção, ensaios e marcação do tipo de proteção para equipamentos elétricos encapsulados "m"

Atmosferas explosivas - Parte 7: Proteção de equipamentos por segurança aumentada “e”
NBRIEC60079-7 de 08/2018

Atmosferas explosivas - Parte 7: Proteção de equipamentos por segurança aumentada “e”

Aparelho de faiscamento para ensaio de circuitos intrinsecamente seguros
NBR8446 de 12/2010

Aparelho de faiscamento para ensaio de circuitos intrinsecamente seguros

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Traceamento elétrico resistivo - Procedimento de projeto, instalação e manutenção
NBR15462 de 10/2013

Equipamentos elétricos para atmosferas explosivas - Traceamento elétrico resistivo - Procedimento de projeto, instalação e manutenção