Text page

A ISO 9001:2008 para pequenas e médias empresas

Esse e-book ASQ/Target é uma tradução para o português do livro denominado ISO 9001:2008 for small and medium-sized businesses que busca ajudar às pequenas e médias empresas a entenderem a ISO 9001:2008, facilitando a sua implementação e o seu desenvolvimento. O estabelecimento, a implantação e a manutenção da ISO 9001 permitem que essas organizações obtenham os múltiplos benefícios ao alcançar a certificação.

21/01/2015 - Equipe Target

Os benefícios da ISO 9001 para as pequenas e médias empresas

No livro ISO 9001:2008 para pequenas e médias empresas, de autoria de Denise E. Robitaille, as pequenas e médias empresas podem entender a ISO 9001:2008. Ele pretende facilitar sua implementação e desenvolvimento. O estabelecimento, a implantação e a manutenção da ISO 9001, em conformidade com o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ), devem permitir que a organização obtenha os múltiplos benefícios ao alcançar a certificação. As organizações devem também alcançar melhorias na qualidade dos produtos, satisfação dos clientes e um processo efetivo – o que terá um impacto positivo ao final da implantação.

A aplicação da ISO 9001 cresceu e diversificou. Houve uma explosão no número de organizações que produzem itens que precisam estar de acordo com as normas internacionais de SGQ. Neste livro fez-se um esforço para tornar geral o uso da palavra “produto” a fim de abranger todas as organizações. Entretanto, embora esta palavra possa dar muita clareza, a palavra “serviço”, é ocasionalmente usada.

A outra palavra que necessita uma consideração especial é “organização”. A diversificação na ISO 9001 resultou em uma proliferação de certificações entre entidades não lucrativas, educacionais e governamentais. Disto resultou que o uso genérico de “organização” é universalmente utilizado. Exceto naqueles casos em que fica muito mais claro e faz mais sentido, usar a palavra “negócios”.

Finalmente, uma das grandes características das organizações é a sua variedade. Produtos, processos, mercados, culturas internas, tamanho, patrimônio, e limitações, tudo contribui para dizer que sua organização é única. Seu SGQ deve refletir sua organização. Deve, também, ser reflexo de sua relação com seus clientes e de seu comprometimento para atender seus requisitos. Não há atalho para o SGQ.

A ISO 9001:2008 define os requisitos, mas não dita os modos de aplicação. Utilizando este livro você terá condição de desenvolver ou renovar seu SGQ , Deste modo ele será muito útil para você e seus clientes. A ISO 9001 é uma norma internacional que define os requisitos para estabelecer um sistema para gerenciar sua organização e processos para melhor servir seus clientes. Essa norma não reinventa sua companhia, nem é um processo para dificultar a implantação de seu sistema.

Assim, é uma metodologia lógica baseada em como dirigir seus negócios. Ela traz consistência e controle para as práticas de todos os dias. A filosofia básica é: ”Faça o que você diz e diga o que você faz”. Mais ainda, ela aumenta a efetividade do processo ao fornecer requisitos que ajudam você a monitorar e analisar a performance dos indicadores principais para a manutenção e desenvolvimento.

Mais de um milhão de organizações em todo o mundo são certificadas pela ISO 9001. A norma já foi estabelecida em pelo menos 20 países. As companhias que utilizam esta norma internacional pertencem aos mais variados setores industriais. Mesmo companhias muito pequenas, como aquelas que têm apenas um funcionário, têm sido certificadas.

Pode-se dizer que a ISO 9001 melhora a execução dos negócios em sua companhia e essa é a mais simples e melhor razão para “implementar a ISO”. Ela ajudará você a aperfeiçoar sua organização. Ela ajudará a trazer consistência e definição para os processos, o que resultará em poucos defeitos e práticas mais eficientes.

Pense nisto como um investimento. O retorno do investimento (ROI) liberará, ao longo do tempo, dividendos para a sua empresa. Melhor controle significa diminuição de erros e poucos recursos perdidos em refazer, retrabalhar e reparar. Isto significa melhorar a eficiência e ter menos contratempos. Tudo aquilo custa dinheiro e aumentará o gasto no orçamento. A implantação de um SGQ é um investimento em seu negócio, do mesmo modo que uma despesa para aquisição de um novo equipamento ou software.

Tradicionalmente companhias com menos de 50 pessoas são consideradas pequenas, enquanto aquelas com até 500 empregados são consideradas de tamanho médio. Não há uma definição precisa nem um número exato. Por exemplo, uma organização pode ter 90 pessoas mas se 80 delas trabalham nas mesmas tarefas rotineiras e o topo da gerência é constituído por apenas dois indivíduos, ela pode ser considerada um pequeno negócio. De outro lado com o advento da tecnologia virtual, uma companhia de software de média para grande, poderá ter facilmente menos que 50 empregados. A multiplicidade e complexidade do processo, a propriedade, e os níveis do gerenciamento, o uso de subcontratados, e a complexidade do produto, também contribuem para determinar “pequenas” versus “médias”.

Instituições Financeiras e agências tais como as U.S Small Bussines Administration (SBA), têm critérios específicos para pequenos negócios, usados para determinar a assistência financeira e qualificação de empréstimos. Nosso livro não utiliza estas definições. De modo que, dependendo do propósito da categorização, qualquer definição razoável é correta. Em ultima análise, a definição é sua. Você precisa decidir se sua empresa é pequena ou média. Isto não é muito relevante para este livro. É suficiente dizer que este livro tem larga aplicação.

É importante ter em mente que as pequenas organizações tendem a ter características semelhantes. Elas tendem a ter poucas pessoas no topo do gerenciamento ou no gerenciamento médio. Elas geralmente têm processos menos complicados. Isto, por sua vez, significa, geralmente, menos documentos. Entretanto, este não é sempre o caso. Uma firma considerada pequena pode ter muitos, muitos documentos.

Pequenas organizações podem ter poucas pessoas, por isso tendem a ter muitos funcionários com o mesmo treinamento. Um indivíduo pode usar “muitos chapéus”. Em organizações com menos de 20 pessoas é muito comum que vários indivíduos tenham múltiplas tarefas. Talvez o melhor exemplo seja do entregador/recebedor. Este indivíduo é responsável por ambas as funções, embora no sistema da ISO 9001 estes processos sejam considerados separados.

Baseado nos documentos visitados

Normas recomendadas para você

Sistemas de gestão da qualidade - Fundamentos e vocabulário
NBRISO9000 de 09/2015

Sistemas de gestão da qualidade - Fundamentos e vocabulário

Versão comentada da Norma para Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos, com mais de 91 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel
NBRISO9001 - COMENTADA de 09/2015

Versão comentada da Norma para Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos, com mais de 91 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel

Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos particulares para aplicação da ABNT NBR ISO 9001:2008 para organizações de produção automotiva e peças de reposição pertinentes
ABNT ISO/TS16949 de 11/2018

Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos particulares para aplicação da ABNT NBR ISO 9001:2008 para organizações de produção automotiva e peças de reposição pertinentes

Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos
NBRISO9001 de 09/2015

Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para planos da qualidade
NBRISO10005 de 07/2007

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para planos da qualidade

Guia sobre técnicas estatísticas para ABNT NBR ISO 9001:2000
ABNT ISO/TR10017 de 05/2005

Guia sobre técnicas estatísticas para ABNT NBR ISO 9001:2000

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a aplicação da ABNT NBR ISO 9001 em prefeituras
NBRISO18091 de 03/2022

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a aplicação da ABNT NBR ISO 9001 em prefeituras

Gestão da qualidade — Qualidade de uma organização — Orientação para alcançar o sucesso sustentado
NBRISO9004 de 11/2019

Gestão da qualidade — Qualidade de uma organização — Orientação para alcançar o sucesso sustentado

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para aplicação da ABNT NBR ISO 9001:2000 nas organizações educacionais
NBR15419 de 03/2020

Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para aplicação da ABNT NBR ISO 9001:2000 nas organizações educacionais