Text page

Auditorias constantes fazem com que empresas procurem ferramentas eficientes de auxílio

Objetivo das companhias é a evolução dos Sistemas de Gestão da Qualidade, garantindo a manutenção da certificação.
As empresas que buscam estar sempre à frente das concorrentes estabelecem como meta a melhoria contínua, fator que também é considerado fundamental pelas auditorias feitas pelos órgãos certificadores.

As auditorias de certificação são feitas com uma periodicidade que varia de seis meses a um ano, tempo que uma empresa deve levar para aperfeiçoar sempre seus produtos e serviços, visando à adequação total às normas técnicas. Segundo a consultora empresarial Catarina Franco Penteado Consoline, "a cada auditoria, a fiscalização vai ficando mais rigorosa, avaliando desde todos os itens da norma de cada serviço ou produto, até o comprometimento da direção da empresa com o sistema administrativo, que deve sempre evoluir".

A consultora lembra que, no caso de auditoria de produtos, são avaliados também aqueles que já estão no mercado, e não somente os que estão saindo da fábrica, o que exige atenção especial da direção da empresa. "Muitas vezes, os auditores vão buscar produtos em redes de varejo de regiões afastadas, para checar se a fábrica não está vendendo materiais de qualidade mais baixa para locais mais carentes", acrescenta Catarina.

Ela lembra que, além da qualidade do produto, são considerados também fatores como ficha técnica e material utilizado na fabricação. Todos os itens devem estar de acordo com as normas.

Em muitos casos, as empresas encontram dificuldades para arquivar as normas e toda a documentação do grupo para pesquisar quando necessário. Com o objetivo de auxiliar as companhias nesse processo, a Target criou as ferramentas CENWin e CENWeb, que propiciam a automação total dos acervos de normas técnicas de uma companhia.

O sistema CENWin é indicado para pequenas empresas, cujo acervo de normas não é tão volumoso. O sistema permite visualizar e imprimir normas técnicas ABNT e Mercosul, além de atualizar automaticamente a base de dados das normas cadastradas, garantindo, dessa forma, que as informações estejam sempre atualizadas.

O CENWeb supre as necessidades dos grupos médios e grandes, funcionando totalmente on-line e permitindo o armazenamento de normas técnicas nacionais, do Mercosul, internacionais e estrangeiras, documentos, além de publicações governamentais pertinentes ao ramo de atuação da empresa.

Conheça o CENWin e CENWeb.

Baseado nos documentos visitados

Normas recomendadas para você

Gestão da qualidade — Qualidade de uma organização — Orientação para alcançar o sucesso sustentado
NBRISO9004 de 11/2019

Gestão da qualidade — Qualidade de uma organização — Orientação para alcançar o sucesso sustentado

Diretrizes para auditoria ambiental - Princípios gerais
NM-ISO14010 de 08/2007

Diretrizes para auditoria ambiental - Princípios gerais

Manejo florestal sustentável e cadeia de custódia - Procedimentos de auditoria - Diretrizes sobre os critérios de qualificação para auditores florestais
NBR14793 de 04/2015

Manejo florestal sustentável e cadeia de custódia - Procedimentos de auditoria - Diretrizes sobre os critérios de qualificação para auditores florestais

Sistemas de gestão da qualidade - Fundamentos e vocabulário
NBRISO9000 de 09/2015

Sistemas de gestão da qualidade - Fundamentos e vocabulário

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 2: Critérios para qualificação de auditores de sistema de qualidade
NM-ISO10011-2 de 08/2007

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 2: Critérios para qualificação de auditores de sistema de qualidade

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 1: Auditoria
NBRISO10011-1 de 11/2002

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 1: Auditoria

Diretrizes para auditoria ambiental - Procedimentos de auditoria - Auditoria de sistemas de gestão ambiental
NBRISO14011 de 11/2002

Diretrizes para auditoria ambiental - Procedimentos de auditoria - Auditoria de sistemas de gestão ambiental

Diretrizes para auditoria ambiental - Princípios gerais
NBRISO14010 de 11/2002

Diretrizes para auditoria ambiental - Princípios gerais

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 3: Gestão de programa de auditoria
NM-ISO10011-3 de 08/2007

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 3: Gestão de programa de auditoria

Sistemas de gestão ambiental - Requisitos com orientações para uso
NBRISO14001 de 10/2015

Sistemas de gestão ambiental - Requisitos com orientações para uso

Diretrizes para auditoria ambiental - Critérios de qualificação para auditores ambientais
NBRISO14012 de 11/2002

Diretrizes para auditoria ambiental - Critérios de qualificação para auditores ambientais

Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos
NBRISO9001 de 09/2015

Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos

Diretrizes para auditoria ambiental - Critérios de qualificação para auditores ambientais
NM-ISO14012 de 08/2007

Diretrizes para auditoria ambiental - Critérios de qualificação para auditores ambientais

Diretrizes para auditoria ambiental - Procedimentos de auditoria - Auditoria de sistemas de gestão ambiental
NM-ISO14011 de 08/2007

Diretrizes para auditoria ambiental - Procedimentos de auditoria - Auditoria de sistemas de gestão ambiental

Versão comentada da Norma para Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos, com mais de 91 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel
NBRISO9001 - COMENTADA de 09/2015

Versão comentada da Norma para Sistemas de gestão da qualidade - Requisitos, com mais de 91 páginas de comentários elaborados pelo engenheiro Eduardo Daniel

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 1: Auditoria
NM-ISO10011-1 de 08/2007

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 1: Auditoria

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 2: Critérios para qualificação de auditores de sistema da qualidade
NBRISO10011-2 de 11/2002

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 2: Critérios para qualificação de auditores de sistema da qualidade

Diretrizes para auditoria florestal - Procedimentos de auditoria - Auditoria de manejo florestal
NBR14792 de 12/2007

Diretrizes para auditoria florestal - Procedimentos de auditoria - Auditoria de manejo florestal

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 3: Gestão de programas de auditoria
NBRISO10011-3 de 11/2002

Diretrizes para auditoria de sistemas da qualidade - Parte 3: Gestão de programas de auditoria

Diretrizes para auditoria florestal - Princípios gerais
NBR14791 de 12/2007

Diretrizes para auditoria florestal - Princípios gerais