Text page

ASME B30.16 – 2012: Guinchos de elevação ou aéreos

Essa norma internacional aplica-se à construção, instalação, operação de controle, verificação e manutenção de guinchos de elevação ou aéreos.

03/01/2013 - Equipe Target

Guinchos de elevação ou aéreos

A norma internacional ASME B30.16 – 2012: Overhead hoists aplica-se à construção, instalação, operação de controle, verificação e manutenção de guinchos de elevação ou aéreosel. Também inclui os requisitos para um guincho que é usado para um fim específico, mas não limitado a uma carga de tensão, no serviço de levantamento não vertical, uma carga guiada, elevação de pessoal. Um guincho de elevação é um mecanismo semelhante a uma talha utilizada para abaixar, levantar e deslocar objetos e maquinários pesados demais para uma pessoa média movimentar. Eles são acionados por sistema hidráulico, motor elétrico ou para cargas mais leves, podem ser de manivela. As talhas elétricas são as mais comuns porque são capazes de levantar milhares de quilos, mas ainda são consideradas de baixo custo em comparação com os guinchos hidráulicos. Os guinchos de elevação são por vezes montados no teto, mas são mais frequentemente equipamentos unitários no que tange sua construção e compostos por trilhos de metal, uma corrente de metal longa ou cabo de aço que é utilizado para o levantamento real, um ou mais motores elétricos e uma caixa de engrenagens, onde os controles estão localizados.

Os guinchos de elevação têm muitas utilizações diferentes dentro do setor industrial, e são comumente encontrados em fábricas, na construção civil, entre outros. Os setores automotivo, aeroespacial, engenharia na pesquisa e desenvolvimento de novos produtos, oficinas mecânicas, na agricultura, indústrias médica e hospitalar, para citar alguns locais, todos utilizam guinchos de elevação de algum tipo para mover com segurança veículos pesados e motores de aeronaves, construção de peças e suprimentos, pacientes feridos ou idosos em um hospital ou casa de repouso que não são capazes de mover-se sozinhos, equipamentos agrícolas e veículos que precisam de trabalho realizado na parte inferior do mesmo e qualquer outra coisa que não pode ser transferida manualmente.

A especificação mais importante ao levantar objetos com uma talha é a sua capacidade, o peso máximo do objeto que está sendo levantado não deve exceder os requisitos de peso suportável pelo equipamento. Se isso acontecer, a segurança do trabalhador fica comprometida e o material pode cair da talha, ou até mesmo a talha vir a cair junto com o equipamento. O levantamento destes guinchos é feito com um metal, corrente ou cabo de aço, que é composto de vários fios de metal enrolados ao redor de um núcleo de borracha. Estes componentes estão ligados a um gancho de grande porte. Muitas vezes, a carga levantada deve ter um estropo anexado ao seu redor, a fim de ser levantada de forma equilibrada e sem riscos de queda.

Existem vários tipos diferentes de guinchos elétricos, cada um dos quais são projetados para levantar objetos específicos e com diferentes capacidades de pesos. Os guinchos aéreos estão ligados a um feixe no teto ou uma faixa linear e são capazes de se mover para trás e para frente. Os guinchos portáteis são livres e com rodilhos na base que é composta por uma armação de metal, são leves e fáceis de transportar de um local para outro. Alguns guindastes são projetados para levantar veículos inteiros, geralmente para a manutenção do carro e mecânica. Eles consistem de 4 bases, cada um com uma plataforma de rodas. Como os automóveis pesam algumas toneladas, estes guinchos para carro devem ter uma capacidade de elevação muito grande, especialmente porque os funcionários trabalham debaixo do carro que está içado.

Conteúdo da norma
Prefácio
Comitê Roster
Introdução às normas B30
Resumo das alterações
Capítulo 16-0 Escopo, Definições e Referências
Seção 16-0.1 Escopo da B30.16
Seção 16-0.2 Definições
Seção 16-0.3 Referências
Capítulo 16-1 Marcação, construção e instalação
Seção 16-1.1 Marcação
Seção 16 1.2 Construção
Seção 16-1.3 Instalação
Capítulo 16-2 Inspeção e teste
Seção 16-2.1 Inspeção
Seção 16-2.2 Teste
Capítulo 16-3 Treinamento de operador e Operação
Seção de 16-3.1 Treinamento do Operador
Seção 16-3.2 Treinamento para outras pessoas não operadoras de guindastes
Seção 16-3.3 Operação
Seção 16-3.4 Planejamento da engenharia de elevadores
Seção 16-3.5 Sinais
Seção 16-3.6 de Bloqueio/Etiquetagem de Equipamentos
Capítulo 16-4 Treinamento em Manutenção e Manutenção
Seção 16-4.1 Treinamento e Requisitos de Manutenção
Seção 16-4.2 Treinamento em Manutenção
Seção 16-4.3 Manutenção de Equipamentos
Seção 16-4.4 Manutenção e substituição de corda
Seção 16-4.5 Soldagem e substituição da ligação em correntes e Manutenção
Seção 16-4.6 Substituição da corrente de rolo e Manutenção

FONTE: Equipe Target

Anúncio fixo da norma NBRISO9001 Chegou o novo app Target GEDWeb!
Busque e visualize suas normas ABNT NBR NM
Recursos exclusivos de busca, leitura por voz,
acesso off-line, navegação por setor e muito mais!
Produto/Serviço relacionado à NBRISO9001

Baseado nos documentos visitados

Normas recomendadas para você

Cabos de aço - Requisitos
NBRISO2408 de 09/2019

Cabos de aço - Requisitos